O tablóide popular da cidade de Guarulhos SP

Pesquisadores desenvolvem teste rápido de covid-19 em smartphones

 

O aparelho é como se fosse um USB com sensor que deve ser conectado no celular. O teste utiliza um fragmento do anticorpo chamado nanocorpos dos camelídeos, que é inserido em eletrodos que, ao entrar em contato com a proteína que reveste o novo coronavírus, sofre uma alteração na corrente elétrica, fazendo com que o sistema consiga detectar a presença ou não do coronavírus.

 A amostra deve ser colocada em contato com o sensor do aparelho para a corrente elétrica ser mostrada na tela do celular. Dependendo da intensidade do sinal do paciente é possível detectar se o resultado é positivo ou negativo.

Na primeira fase, segundos os pesquisadores, a eficácia que foi apontada nos testes até agora é de 90% e, para a próxima fase, mil pessoas serão testadas com o aparelho e deve durar cerca de três meses.

Redação iG Guarulhos
Share:

Quase 20 mil testes de covid-19 têm resultado inconclusivo em Guarulhos

 

Do total de testes de covid-19 realizados nos dois mutirões em Guarulhos, quase 20 mil tiveram resultado inconclusivo, o que representa 40% dos testes. Segundo a Secretaria de Saúde, entre agosto e outubro do ano passado, foram realizados 48.844 testes,

Entre os fatores que podem levar a esse resultado estão, por exemplo, a qualidade das amostras, o armazenamento e o tempo entre a coleta e a realização do exame.

A falta do resultado do exame para infecção do coronavírus faz com que pacientes com suspeita de ter a doença circulem pela cidade.

Redação iG Guarulhos
Share:

Covid-19: Variante de Manaus já está em pelo menos 12 estados brasileiros

 

A variante do coronavírus identificada em Manaus se espalhou pelo país e já chegou a pelo menos doze estados brasileiros e vem preocupando autoridades, já que ela é considerada mais transmissível que outras cepas causadoras da Covid-19.

A variante de Manaus já foi identificada em Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Pará, Paraíba, São Paulo, Roraima, Ceará, Piauí, Santa Catarina e Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, o número de casos confirmados já se aproxima de 200, segundo dados do Ministério da Saúde e de secretarias estaduais.
O Ministério da Saúde informou que, no caso da variante do Reino Unido, até o momento houve “casos isolados” nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, além do Distrito Federal. E, por ora, não há registro da circulação no país da variante descoberta na África do Sul.

Redação iG Guarulhos
Share:

Mais recentes